Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.internal_encoding is deprecated in /home/radionha/public_html/libraries/joomla/string/string.php on line 28

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.input_encoding is deprecated in /home/radionha/public_html/libraries/joomla/string/string.php on line 29

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.output_encoding is deprecated in /home/radionha/public_html/libraries/joomla/string/string.php on line 30
Home

Noticias de 2 de Dezembro

 

Estados Unidos

 

Na segunda feira, a polícia identificou o suspeito do ataque que feriu pelo menos nove pessoas na universidade do estado de Ohio e que acabou por ser atingido mortalmente. Trata-se de um jovem de 18 anos, natural da Somália, que conduziu um automóvel contra um grupo de pessoas que circulava no passeio e saiu depois do carro para as atacar com uma faca de talhante.  Uma das vítimas está internada em estado grave. "Os ferimentos das vítimas incluem cortes, ferimentos causados por um veículo automóvel e outros que ainda estão a ser avaliados", disse à CNN fonte dos serviços de segurança.  As autoridades não quiseram inicialmente revelar o nome do suspeito, que residia na área onde ocorreu o ataque e tinha autorização para permanecer nos EUA. O automóvel que utilizou estava registado em nome de um familiar, adianta a CNN. Porém, a imprensa internacional revela que o jovem era Abdul Razak Ali Artan e que estaria no país na condição de refugiado. Estudava no campus de Columbus, da universidade de Ohio, e terá chegado aos EUA com a família em 2007.

Noticias de 10 de Novembro

 

Estados Unidos

 

O candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, venceu as eleições, tornando-se o 45.º Presidente norte-americano, cargo que ocupará a partir de 20 de janeiro de 2017.  Entrou na corrida como o candidato de fora do sistema. Atacou os mexicanos, as mulheres e os muçulmanos, mas a sua promessa de travar os imigrantes e devolver os empregos aos americanos atraiu a classe média. Donald Trump é o novo presidente dos Estados Unidos.  Em finais de setembro, a revista New Yorker tentava imaginar como seria o primeiro mandato de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos, imaginando o milionário a chegar à Casa Branca a 20 de janeiro para um café com Barack Obama antes de seguirem os dois de limusina até ao Capitólio.

November18News

 

Estados Unidos

 

Antes de Barack Obama tomar posse, surgiram dúvidas sobre se Michelle ficaria em Chicago, onde as filhas estavam a meio do ano escolar. Mas a 20 de janeiro de 2009 foi toda a família a mudar-se para a Casa Branca. Passados oito anos, Donald Trump parece ele próprio reticente em trocar os dourados da penthouse da Trump Tower, na seleta Quinta Avenida de Nova Iorque, onde vive desde 1983, pela residência oficial do presidente, em Washington. Mas deverá ser obrigado a fazê-lo. Desde a noite das eleições - e até 21 de janeiro, dia a seguir à tomada de posse do novo presidente - que as autoridades americanas estabeleceram uma zona de exclusão aérea sobre o centro de Manhattan, onde fica a Trump Tower. Aviões, helicópteros e drones estão proibidos de sobrevoar a zona abaixo dos 3000 pés e num raio de duas milhas em torno do edifício. Mas como presidente, Trump dificilmente poderá continuar a viver ali. "É uma grande preocupação ele não continuar ali, porque seria muito mais difícil protegê-lo", explicou fonte dos serviços secretos ao tabloide New York Post.

Noticias de 4 de Novembro

 

Estados Unidos

 

Um grupo de 370 economistas, que inclui oito laureados com o Prémio Nonel da Economia, lançaram hoje uma carta aberta onde criticam Donald Trump por enganar os eleitores e defendem o voto "noutro candidato".  A carta aberta, noticiada pelo Wall Street Journal, não recomenda explicitamente o apoio a Hillary Clinton, que aliás também foi visada numa carta aberta, em setembro, em que 306 economistas criticaram as suas políticas, mas na segunda-feira, uma outra missiva, assinada por 19 vencedores do Prémio Nobel da Economia, apoiaram e defenderam o voto em Clinton.